quinta-feira, 21 de maio de 2009

Fui abandonado...

Fui abandonado e covardemente traído pela única mulher que amei, Alessandra. A ela eu me dediquei noite e dia, fiz-lhe todos os gostos, mesmo assim, ela partiu com um qualquer. Só aqui, nesse espaço, posso desabafar e fazer a minha terapia.
O que restou em mim foi essa tristeza, por isso, serei sempre esse triste trovador...

9 comentários:

Je Vois la Vie en Vert disse...

Caro amigo Trovador,

Ainda bem que vieste ter comigo e desabafar ! Deixa exteriorizar a tua tristeza toda. Não tenhas problemas nenhum em chorar !
Eu também tenho chorado bastante ultimamente por causa de graves problemas de saúde de dois familiares meus. No caso da minha mãe que vai fazer 89 anos, tenho que me conformar que é a lei da vida e peço só a Deus para ela não sofrer.
Sabes, amigo, se a Alexandra se foi embora desta maneira, foi porque ela não te merecia e ainda bem que se foi embora agora antes de terem tido um filho juntos.
Sabes o meu marido só se casou quando tinha 30 anos e estamos casados há 35 anos e ainda nos amamos muito !E foi um amor de férias... nada nos destinava... Tenho um filho publicitário de 23 anos que não tem namorada e não está nada preocupado com isso !
Vive a tua vida normalemente, não pensa mais nela e um dia sem dares por isso, encontrarás a mulher que te era destinada e com quem estarás muito feliz !

Muitos beijinhos, amigo Trovador, vou estar contigo em pensamentos e enviar-te boas energias !

Verdinha

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Querido amigo Trovador, leia com atenção : Quando um amor vai embora, outro melhor vem.
Isso é um ditado popular antigo e bastante verdadeiro.
Basta dar tempo. O tempo resolve tudo
beijos.
O TEMPO.
O TEMPO.

VANUZA PANTALEÃO disse...

Lamento demais seu infortúnio, meu amigo. Conte sempre com meu ombro!!!Bjsss

...sim ao amor... disse...

Outros
Amores
Virão

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Oi trovador, vim desejar um bom final de semana para você.
Vá por lá.
beijosssssssssssssss

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Não chore, não vale a pena.
beijossssssssssss

Je Vois la Vie en Vert disse...

Olá amigo Trovador,

Há mais de um mês, eu vinha cá dar o meu apoio e falei-lhe também da minha tristeza.
As minhas lágrimas secaram porque ainda consigo falar com a minha mãe todos os dias, ela tem resistido até que um dia Deus a levará e nesta altura voltarão as lágrimas...

Como vai o meu amigo Trovador ? Já encontrou alguém que lhe emprestou um lenço para enxugar as lágrimas e um ombro para se apoiar ?

Espero sinceramente que se encontre bem porque uma pessoa sensivel como você merece !

Beijinhos verdinhos de esperança

O Professor e o Palhaço disse...

Fui abandonado também, e no início foi complicado... eu corria atrás e ela nem percebia. Mulher percebe mais quando vc passa a tratá-la como um fantasma! Nunca a esqueça, mas deixe que ela venha atrás, e se ela não vier pode ter certeza q se seu jardim estiver florido muitos beija-flores virão...

cristinasiqueira disse...

Oi querido trovador,


Sempre é muito,muito tempo...
Pense nisso...tudo vai passar.É assim.

Com carinho,


Cris